{Resenhando #77} Reconstruindo Amelia - Kimberly McCreight

Reconstruindo AmeliaTítulo: Reconstruindo Amelia
Autor: Kimberly McCreight
Editora: Arqueiro
Páginas: 352
*Livro cedido pela editora para resenha
Kate Baron, uma bem-sucedida advo­gada, está no meio de uma das reuniões mais importantes de sua carreira quando recebe um telefonema. Sua filha, Amelia, foi suspensa por três dias do Grace Hall, o exclusivo colégio particular onde estuda. Como isso foi acontecer? O que sua sensata e inteligente filha de 15 anos poderia ter feito de errado para merecer a punição?Sua incredulidade, no entanto, vai aos poucos se transformando em pavor ao deparar, no caminho para o colégio, com um carro de bombeiros, uma dúzia de policiais e uma ambulância com as luzes desligadas e portas fechadas.Amelia está morta. Aparentemente incapaz de lidar com a suspensão, a garota subiu no telhado e se jogou. O atraso de Kate para chegar a Grace Hall foi tempo suficiente para o suicídio. Pelo menos essa é a versão do colégio e da polícia.Em choque, Kate tenta compreender por que Amelia decidiu pôr fim à própria vida. Por tantos anos, as duas sempre estiveram unidas para enfrentar qualquer problema. Por que aquele ato impulsivo agora?Suas convicções sobre a tragédia e a pró­pria filha estão prestes a mudar quan­do, pouco tempo depois do funeral, ela recebe uma mensagem de texto no celular:Amelia não pulou.Alternando a história de Kate com registros do blog, e-mails e posts no Fa­cebook da filha, Reconstruindo Amelia é um thriller empolgante que vai surpreender o leitor até a última página.
Abra sua imaginação e se imagine - se você for aquele tipo de pessoa cagona que tem medo até a própria sombra- lendo um thriller. Agora abra um pouco a sua imaginação e pense que só você está acordada e apenas o seu quarto está com luz acesa! Pensou? Ok, agora você está escutando barulhos e portas rangendo mas ao mesmo tempo reconhece que é só fruto da sua imaginação. Imaginou? Bom, essa era eu lendo Reconstruindo Amelia. Mas se eu passei por tudo isso (e não consegui dormir) e o resultado foi excelente, suspeito que valeu a pena uma noite -quase- em claro. 

Kate é mãe solteira de uma adolescente. Mesmo colocando a filha em primeiro lugar, o excesso de trabalho acaba se sobressaindo pois exige muita dedicação e ao mesmo tempo muito tempo. Isso é ser uma advogada. Seus pais não ligam muito para os sentimentos e acham que tudo que afeta demais acaba sendo prejudicial. Quando recebe um telefonema do colégio de Amelia -sua filha- falando que a mesma havia sido suspensa por cola, Kate apressa-se para a reunião, mas acaba demorando uma hora. E o que encontrou por lá mudou totalmente a sua vida, e seu mundo, sem mais nem menos, demoliu-se.

Ali entre tantos policiais, estava sua filha no chão. Morta.

Amelia era uma adolescente invejável. Era dedicada no colégio, admirada pelos professores e sempre andava com um livro na mão. Não tinha muitos amigos, na verdade, só tinha uma amiga. Sylvia. Elas eram o oposto uma da outra. Enquanto Amelia era quieta e delicada, Sylvia adorava uma festa e "passar o rodo" nos garotos. Elas eram o oposto, mas se entendiam como ninguém.
"As roupas eram para Sylvia o que os livros eram para mim: a única coisa que realmente importava." 
Amelia também possuía problemas. Na maior parte do tempo sua mãe estava ausente e a filha não fazia ideia de quem era o pai, porém isso não era motivo para levar ao suicídio. Kate tinha certeza que não.

Depois de semanas com a investigação quase encerrada e definida como suicídio, Kate recebe uma mensagem anônima com os seguintes dizeres: Amelia não pulou. E no mesmo dia, minutos depois, outra mensagem: Amelia não pulou. Você e eu sabemos disso. Mas quem está enviando a mensagem e como tem tanta certeza disso?

Começa ai o que eu chamo de uma história eletrizante. Sabe aquele livro que você começa a suspeitar até de si mesma? É isso. Reconstruindo Amelia é o que chamamos de viciante. Não tem como largar um minuto sequer porque você precisa de mais pistas e quer entender o que aconteceu.
"-E, Amelia...- Ele me chamou- Estou falando sério quanto a ter cuidado. Às vezes é difícil perceber a velocidade da corrente até você se ver no topo de uma cachoeira."
O livro é intercalado entre Kate na atualidade e Amelia antes de morrer (meses antes até o dia do "suicídio"), então você começa a entender o que aconteceu na vida da adolescente para no final ter um resultado tão dramático como esse.

Na trama são abordados temas polêmicos e atuais na adolescência: Ciúmes, homossexualismo, bullying, amores, e tudo aquilo que estamos acostumados e sentir/ser/ver. 
Reconstruindo Amelia tem um dos melhores títulos, porque é exatamente isso que acontece. Kate começa a reconstruir os caminhos da filha para encontrar uma razão. Imagine uma mãe ausente que não sabe de nada o que se passa na cabeça da filha de 15 anos (que convenhamos é uma idade em que a cabeça fica a mil) e quando ela morre, recebe uma mensagem anônima. Não dá pra ficar parada!

O enredo foi muito bem pensado, mas certa hora (mais especificamente na hora que ela vai tirar satisfação com uma das suspeitas) senti que a autora se perdeu. E, bem, uma péssima hora para se perder, diga-se de passagem.

No geral, achei uma história muito boa! O final é surpreendente - na verdade, perguntei pra várias pessoas porque eu SEMPRE leio o final do livro antes #desesperada. Você fica repassando a história inteira para tentar entender onde falhou e como se deixou enganar.

Recomendando para aqueles que curtem uma boa história com um suspense e personagens arrebatadores! Com certeza, Kimberly McCreight chegou para marcar território! 

Classificação:
Bom gente, é isso!
Gostou? Compare e compre aqui.
Não deixem de comentar!

Beijos,
Mah!




25 comentários

  1. Ah, Má, você não tem jeito! Ri muito com o primeiro parágrafo.
    Eu tô tão curiosa pra saber esse final que vou acabar lendo um spoiler, tenho que ler LOGO!! E como amo suspense não poderia deixar de conferir.
    Amei a resenha! Bjinhos <333

    ResponderExcluir
  2. Oi Marcela :)

    Gostei muito da resenha - ri bastante - estou louco para ler Reconstruindo Amélia, pois tenho certeza absoluta de que irei gostar. E ainda tem essa capa top. Beijos!

    http://euvivolendo.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Eu sou apaixonada por thriller e suspense. Sempre fico vidrada, desejando saber o final logo. Mas quando eu vi que a Arqueiro lançou esse livro, não fiquei empolgada porque achava que era romance ~sim, julgando pela capa~. Nem passou pela minha cabeça que nesse livro teria morte, bilhetes anônimos e afins. Adicionei a lista de desejados.

    ResponderExcluir
  4. Oi Mah!
    Eu amo livros assim! Amo, amo, amo!!
    Já li outras resenhas de '' Reconstruindo Amelia'' e só me faz querer mais e mais.
    Preciso ler este livro urgente.
    Beijos,
    minhavelhaestante1.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  5. Li a pouco tempo e até que curti mas as partes com a Kate eram chatas deeeemais.. a vontade que eu tinha era de pular essas partes mas não pudia pq ela sempre descobria algo novo em relação a Amelia.

    http://livroaoavesso.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  6. Não dava nada por esse livro, mas tenho lido cada vez mais resenhas positivas sobre ele e estou bem tentada a ler ele
    Beijos,

    Amanda
    Divã Literário

    ResponderExcluir
  7. Não leio muitos thriller apesar de gostar muito do gênero.
    Reconstruindo Amélia é um livro que desde seu lançamento me chamou a atenção e a cada resenha que leio mais interessada em lê-lo eu fico.
    Entendo muito bem o sentimento de ser a única acordada em casa e de repente começar a escutar ruído sinistros, isso acontece sempre comigo,.
    Obrigada pela resenha.
    Bjs!

    ResponderExcluir
  8. Eu queria ler o livro. Eu não consigo imaginar como seria, se de uma hora pra outra, eu soubesse que minha filha se suicidou. E imagino a culpa que a mãe sentiu. E depois ainda por cima alguém falar que a menina não pulou.
    Preciso ler esse livro pra ontem hahaha
    Bjss

    ResponderExcluir
  9. Olá Marcela!
    Esse livro me chamou atenção logo pela sinopse e pelo título, mas nunca tinha parado para ler a resenha antes, e nossa, que arrependimento! Só sua resenha me fez ficar viciada no trama da história, nesse enredo! E acho bem legal, quando o título descreve exatamente aquilo que está na história.E bom, adoro um suspense, apesar de ser medrosa :3

    Bjos!

    ResponderExcluir
  10. Oii..
    Ah quero muito ler este livro. Sua resenha me animou mais um pouquinho.
    Ouvi falar do final assim, que não era o que muita gente imaginou, mas na geral é um livro ótimo.
    Espero ler em breve e gostar tanto quanto você.

    livrosvamosdevoralos.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  11. Pense numa pessoa medrosa... eu sou um pouco mais! É um gênero que adoro, mas o medo me impede e isso serve tanto pra livros, quanto pra filmes.

    Ainda não li uma resenha negativa sobre este livro e é isto o que me deixa p*** da vida, sentir que to perdendo algo bom por medo... um dia eu consigo hahahahahahaha

    ResponderExcluir
  12. Preciso MUITO ler esse livro, suspense é tudo, crime, eu amo muito esses tipos de livros/filmes vou ter que ganhar, comprar, roubar ( haushuahs sqn ) resumindo preciso ler esse livro.

    Blog Sopa de Letrinhas
    Skoob

    ResponderExcluir
  13. Bom vou ser cincerro, eu li a resenha por causa da capa do livro, e acabei rindo bastante com o primeiro paragrafo (tentei imaginar a cena), mas acabei descobrindo um excelente livro deu muita vontade de ler, pois gosto muito de suspense a acabei fazendo um grande achado.
    Se puder da uma passada no meu blog: http://conversandocomolivro.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  14. Tenho visto inumeras resenhas positivas sobre este livro e não posso negar que estou muito ansiosa para ler.
    Tenho em ebook mas quero passar pela experiencia com o livro fisico. haha.

    BEijso.
    http://livrosporumbeijo.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  15. Oi! ^^
    Tudo bem??
    Eu conheci esse livro por um marcador que veio junto com um livro que ganhei de aniversário. Muito mágico né? Me interessei pela sinopse e passei a ler as resenhas. Achei a história interessante, leria com certeza!

    Aguardo sua visita! ;)
    Beijusss;
    http://hipercriativa.blogspot.com.br/
    http://universo-invisivel.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  16. Adorei a premissa desse livro!! imagino o desespero de uma mãe ao saber que a filha se matou e depois ir descobrindo que a filha passava por vários problemas. Agora estou começando a ficar curiosa pra saber o que aconteceu com a Amelia e se ela se matou mesmo e quem mandou essas mensagens. Vou ler esse livro com certeza :)
    Beijos!

    ResponderExcluir
  17. Adoro thriller, fiquei com vontade de ler este livro também! A resenha ficou ótima. Adoro estórias com muito suspense e mistérios e fiquei curiosa para saber como este será desvendado, fiquei curiosa para saber o que causou realmente a morte da personagem. Deve ser um livro cheio de tensão e que prende bastante o leitor!
    beijos

    ResponderExcluir
  18. Gente o livro é tudo isso, nossaaaa estou pasma, achei que a historia fosse outra coisa quando vi a capa, pelo visto o livro é bom, fiquei curiosa para ler ele agora, gosto desse suspense sempre me prende, adorie a resenha e já estou curiosa para saber quem matou Amelia.
    Beijos!!!!

    ResponderExcluir
  19. OMG porta rangendo? to fora kkkkkkkkkk sou muito medrosa. Pensei que sera um drama mais como é um suspense e pelo jeito de meter medo to fora mesmo :p

    ResponderExcluir
  20. Nossa,adorei o tema,pois sou fa de suspenses!A perigrinaçao da mae para reconstruir o caminho de Amelia deve ser tortuosa e quero saber(pra ontem) o final surpreendente.

    Bjs

    ResponderExcluir
  21. Tenho lido resenhas positivas em relação a esse livro. Só em ser um suspense, já me agradou, e sendo eletrizante, só me faz querer ler o mais rápido possível. Adoro essas narrativas que nos prendem a respiração. Afinal, respirar pra quê, né?!?! kkkkkkk
    Uma pena que a autora se perdeu em uma cena importante, mas todo o resto valeu a pena.

    @_Dom_Dom

    ResponderExcluir
  22. Oi!
    Não tenho costume de ler livros nesse estilo, acho que ficaria ainda pior que você enquanto lia kkk
    Mesmo assim fiquei curiosa, o que aconteceu com a Amelia?? Não sei se vou ler, mas parece ser um livro ótimo!
    Beijos!

    ResponderExcluir
  23. Marcela, acho que esse livro foi feito para mim. Adoro livros do gênero e eu gostei bastante da premissa da obra.
    Ah, eu não tenho medo de ler livros assim e muito menos fico ouvindo barulhos. haha

    M&N | Desbrava(dores) de livros - Participe do nosso top comentarista de julho

    ResponderExcluir
  24. Pessoa cagona! hhhhahahahahhah! Ai, Mar *-*
    Mas eu sou como você descreveu no começo do post: fico ouvindo barulhos e a imaginação vai a mil! Imaginação fértil dá nisso... Mas eu precisaria de uma dose extra de coragem para encarar a leitura desse livro!

    ResponderExcluir
  25. Ma eu estou ansiosa por ler esse livro na expectativa de ter pela frente um tema muito atual: será que conhecemos de verdade o íntimo de nossos filhos? Essa foi a pergunta que me deixou com o pé atrás nesse livro, para que conheçamos o nosso convívio deve ser de muita confiança. Adorei a temática!

    ResponderExcluir

Não deixem de comentar e, claro, deixar o link do seu blog para que eu possa retribuir!