{Resenhando #71} Claro que te amo! - Tammy Luciano

Claro que Te Amo!Título: Claro que te amo!
Autor: Tammy Luciano
Editora: Novo Conceito
Páginas: 320
Piera tem certeza: está cometendo a maior loucura da sua vida ao assistir, escondida, ao casamento de seu ex-noivo. Depois de seis anos de relacionamento, entrar de penetra na comemoração foi tudo que André deixou para ela. E olhar a cena não a faz feliz, mas encerra uma fase de sua vida. Hora de recomeçar. Mas como recomeçar se seu coração está cheio de dor? Envolver-se com a história de Piera é como descobrir que sempre há um lado muito bom a ser revelado… Mesmo que tudo pareça tão difícil!
Quando uma coisa não vai bem, digo, quando sua vida não está dando certo, seu parceiro te abandona, seu passado ressurge sem mais nem menos, você sempre espera que uma coisa boa aconteça. Pelo menos eu sou assim. Piera não. Em 320 páginas, ela reclama em 300, faz besteira em 310 e aproveita 1. Tem como adorar um livro assim? É, eu também acho que não.

Piera viveu toda sua vida com seu pai. Dona Cecília, sua mãe, a abandonou quando ela estava com um mês de vida. Começou a namorar aos 12 anos com André, mas agora ele se casou com outra e sua vida foi para o chão. Como se não bastasse, Piera vai ao casamento do ex e fica se remoendo de ódio e exaustão. De quebra, sua mãe volta e está internada em uma clínica. Ótimo, não?
Seria pior se Marcelo, o "dono" da clínica onde sua mãe está internada, não fosse tão lindo com aqueles olhos azul-verde-azul.
Mas sempre é pior, porque para Piera, tudo é horrível.

Imaginem uma protagonista irritante, onde nada está bom e tudo é uma desgraça? É ela. Quando qualquer coisa começa a andar para um bom sentido, ela volta com tudo na estaca zero. Aparentemente, ela não quer ser feliz. Não aceita sua felicidade de maneira alguma e qualquer coisa que ameace dar certo, ela chora e começa a pensar se tudo não está errado. Eu mereço?

Para compor tudo isso, existe Marcelo. Eu achava que em qualquer livro, eu não poderia resistir a um par de olhos verdes. Ah, mas eu posso.
Acredito que a autora tenha introduzido Marcelo para modificar a vida de Piera de qualquer forma. Mas o problema é que esse personagem não existe. É muito surreal de uma maneira que acabou tornando-se chato e enfadonho. Ele é filho de um pai rico que está morando no exterior, enquanto isso, Marcelo toma conta da Clínica e estuda Medicina. Quando encontra Piera pela primeira vez, já se apaixona e na segunda vez já a convida pra sair. Tudo bem, até ai está normal, mas quando a relação dos dois começa e engrenar, Piera volta atrás e termina com ele. Ai eles voltam e ela termina de novo. Depois mais uma vez, e mais uma. 

Depois que terminei de lê-lo, percebi que o melhor do livro era seu pai. Toda vida foi um guerreiro cuidando da filha, e hora nenhuma deixou faltar qualquer coisa. Com certeza é um herói e se o livro me conquistou -uma pequena e minúscula conquista- foi por conta dele. Percebi também que algumas escritoras brasileiras tem certas idealizações de um diálogo que não são atribuídas na vida real (Não na minha vida). Já disse isso em outra resenha, mas vocês se comunicam com suas amigas assim: "Ai amiga, olha aquele gatinho!" ou derivados? Usando gírias que são bastante conhecidas até, mas que não são tão usadas? Eu realmente me incomodo quando encontro diálogos deste jeito porque tudo aparenta ser muito forçado. 

Uma coisa boa em Claro que te amo! foi as lições de vida que a autora atribuiu. Em todas as páginas, sempre aparecem alguns ensinamentos e você passa a aprender certas coisas com os personagens. Achei a leitura muito pesada e sem muito rendimento, mas que com certeza conquistará diversos leitores.

Recomendado para aqueles que gostam de histórias básicas com personagens "problemáticos" e com uma carga familiar cativante.

Classificação:
Este livro fez parte da Maratona #EUSOUDOIDEIRA e para completa-la, deveríamos escolher uma música para cada livro lido.
Música Escolhida:
Because Of You - Kelly Clarkson

My heart can't possibly break
When it wasn't even whole to start with
Bom gente, é isso!
Espero que tenham gostado.
Gostou? Compare e Compre aqui.

Beijos,
Mah!



29 comentários

  1. Putz... resistir a um belo par de olhos verdes? que sinistro!!!
    Existem tanta gente igual a descrição que vc fez dessa Piera, Máh.
    Se queixar e se queixar e não procurar por coisas boas ou aproveitar quando ela acontece por não achar que merecem é algo tão comum... acho enfadonho pessoas assim e não leria o livro por conta disso... na vida real poderia ate lidar melhor com pessoas assim... mas a literatura me serve mesmo é pra fugir da vida real por um bocadinho de tempo.

    ResponderExcluir
  2. Oi Marcela

    Tentei ler esse livro e sinceramente, pelo jeito valeu a pena ter largado. ão consegui passar das primeiras páginas por causa da protagonista chata e se ela continuou nisso, misericórdia.
    Não tenho sorte com os livros dessa autora e já desisti dela.

    Beijos
    Mundo de Papel

    ResponderExcluir
  3. Eu sempre tive curiosidade para ler esse livro,mas agora que você disse que é meio "problemático" por causa da personagem desanimei um pouco. Parece ser bem chatinha a Piera e por causa disso não animo de ler esse livro .

    ResponderExcluir
  4. Não irei ler esse livro, se tem uma coisa que me faz odiar um livro é quanto tem uma protagonista chata, que gosta de se fazer de coitadinha e totalmente insegura. Só lendo sua resenha já fiquei com raiva da Piera, acho que se tivesse começado a ler esse livro eu terei o abandonado, você com certeza é uma pessoa persistente.
    Bjs!

    ResponderExcluir
  5. Oi,

    Sempre tive curiosidade em ler esse livro, mas não aquela enorme que tipo 'eu preciso ler esse livro', acho que agora vou colocar ele para depois, acho que não seria uma leitura pra já, nã gosto de persongens muito problematicos, gostei bastante da músia, já tinha ouvido ela antes, mas não sabia o nome agora eu não vou mais esquecer.

    Mayla
    http://meulivromeutudo.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  6. Olá, já vi que não vou gostar do livro, gosto de livros leves e que a leitura corra fácil. Ainda mais com um personagem irritante?! Tô fora(hahaha), uma coisa que me irrita fácil são os personagens de livros quando são muito fresquinhos(hahaha). Não pretendo ler esse livro.

    Beijos!

    ResponderExcluir
  7. Gosto de livros que falam sobre lições de vidas essas coisas.
    Tenho muita vontade de ler este livro.
    Muchei um pouquinho com sua nota para o livro..rs

    livrosvamosdevoralos.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  8. Fala sério, uma protagonista reclamona, quem merece? Pra piorar, um cara de olhos verdes e que não conquista? Afff.
    Pensei que seria bom, mas...
    Ótima resenha!

    ResponderExcluir
  9. Oi Marcela!!!
    Sério que depois que eles voltam ela termina de novo e de novo e de novo?
    Ainda bem que parei de ler no 1º rompimento o.O
    Ótima resenha. Beijos... Elis Culceag.
    * Arquivo Passional *

    ResponderExcluir
  10. Olá Marcela tudo bem ?
    Bom eu não conhecia o livro e não sou muito fã do gênero, na verdade eu generalizo muito e sei que tem muitos romances bons por aí, mas esse é um dos romances que assim como você não gostaria nem um pouco. Já acho o gênero um pouco lento e até chato e com uma personagem principal dessa, argh. Se o livro não é tão bom assim prefiro ler 320 páginas de uma boa fantasia.
    Beijos, Carlos.

    http://blogchuvadeletras.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  11. Oi, oi Mar!
    Acho que assim como você não e identificarei muito com o livro, mesmo que ele tenha uma premissa seja interessante.
    Amei a resenha! Como sempre muito bem trabalhada e escrita.

    Beijos da sua melhor amiga do mundo blogosférico
    Bárbara
    Toca dos Livros

    ResponderExcluir
  12. Finalmente encontrei uma pessoa que pensa como eu...não curti muito esse livro não..achei bem chato e maçante!!

    http://livroaoavesso.blogspot.com.br/
    https://www.facebook.com/livroaoavesso

    ResponderExcluir
  13. Não sei se leria, principalmente por tem uma personagem feminina bem chatinha, e eu não gosto muito

    ResponderExcluir
  14. Meu Deus você deu um 2 para esse livro? Agora é que ele vai para os últimos livros que tenho de ler, e eu acabei de receber ele, mas preciso digerir essa informação antes de encarar ele, senão eu corro o risco de detestar antes de ler! hihihihi, mas é bom ler uma resenha sincera assim!!!

    ResponderExcluir
  15. Poxa, que pena que você não gostou, eu já li esse li e até gostei dele. O que eu mais gostei foi justamente as lições. Mas concordo que os personagens são "problemáticos".
    Adorei a música que você escolheu :)
    Beijos!

    ResponderExcluir
  16. Ai, Mah, tenho esse livro aqui, ainda não li, mas depois de ver tantos comentários negativos, perdi a vontade hahaha
    Mas não é só você não, conheço muita gente que leu o mesmo livro e achou a personagem muito chata.
    Gostei muito da resenha por mostrar os pontos positivos, que são as lições na estória. Não acho que vou ler por enquanto, mas espero gostar pelo menos um pouco!
    beijos

    ResponderExcluir
  17. Aff...personagem reclamona e pessimista nao da!Nunca li nada da Tammy Luciano e pelo visto nem vou ler.Pra falar a verdade, é muito nonsense(e irreal) invadir a festa de casamento do ex e ficar observando,além dos dialogos forçados que voce mencinou.

    ResponderExcluir
  18. A capa é lindíssima, mas as resenhas dizem que é bem fraco e com protagonista chata... olha, de chata na minha vida, basta eu! hahahahahahaha

    ResponderExcluir
  19. Oi Macela!
    De cara eu não gostei tanto deste livro. Depois da sua resenha, agora que não irei ler mesmo. Não é o tipo de livro que eu gosto. De chata já basta eu!! rsrsrs Beijoos

    ResponderExcluir
  20. Bom, eu acho que se ler esse livro vou ser capaz de gostar dele por conta da personagem problemática que contém. E eu acho bem legais esses livros que tem dialogos como você citou, acho que mostra a realidade de hoje em dia. Mas pra falar se vou gostar ou não do livro só lendo mesmo, quem sabe um dia não

    ResponderExcluir
  21. Eu já li esse livro e confesso que também não gostei dele não. Achei ele bem chato, e a única coisa que salvou, realmente foi o pai, o resto dos personagens eu achei chato e eram problemáticos mesmo, então descobri que não gosto de livros com personagens problemáticos =P
    Bjss

    ResponderExcluir
  22. Não tive vontade de ler esse livro desde a primeira vez que o vi. Na verdade, tudo começa com esse título e a capa bem feinha. A impressão que passa é que é a coisa mais clichê da vida, mas ok. Ainda mais, a personagem [pelo que você disse] é super irritante. Não sei, acho que não teria muita paciência em aguentar o temperamento dela D:

    ResponderExcluir
  23. Olá to lendo esse livro e to pensando em seriamente para de ler. Cara a autora fica na mesma tecla e to na página 100.Não sei se aguento esse mocinha mais por isso o noivo dela a deixou kkkkkkkkkkkkk. E o Marcelo se apaixonou rápido de mais não? Depois dessa sua resenha acho que vou é largar esse livro :p

    ResponderExcluir
  24. Oi, que pena que você não curtiu muito o livro, confesso que sinto certo interesse em ler ele, mas não espero muito desse livro, ele parece ser um livro um tanto clichê, mas sem algo a mais que nos prenda, gostei muito da resenha.
    Beijos!!!!

    ResponderExcluir
  25. A premissa do livro não me agradou muito, esse não e o meu gênero preferido e ainda teve 2 estrelas? talvez não seja a coisa certa para eu ler. Mas gostei da sua resenha e do modo no qual você expôs sua opinião.

    ResponderExcluir
  26. Desculpa, Novo Conceito, mas de uns tempos para cá, não tenho muito interesse no que a senhora anda publicando :/
    Um ou outro título aparenta ser ok, mas não rola aqueeela vontade incontrolável de ler :x

    ResponderExcluir
  27. Que pena que você não gostou do livro, Marcela! Mas também é justificável, né?!?! Uma personagem chata de galocha como essa, não conquista nada, nem ninguém. O pior é que esse tipo de pessoa não existe apenas nas páginas dos livros. kkkkkk

    @_Dom_Dom

    ResponderExcluir
  28. Oi Marcela!
    Eu gostei da leitura, mas também não entrou para os meus favoritos... Algumas vezes senti raiva da Piera, mas entendi, pelo menos em parte, o lado dela. Com toda certeza o pai da Piera é o destaque do livro!
    Beijos!

    ResponderExcluir
  29. Esse livro já não enchia meus olhos e sua resenha me deixou ainda mais desanimado. Achei a premissa bem fraca e, pelo visto, o desenvolvimento também é. Dessa vez, passo a leitura.

    M&N | Desbrava(dores) de livros - Participe do nosso top comentarista de julho

    ResponderExcluir

Não deixem de comentar e, claro, deixar o link do seu blog para que eu possa retribuir!